Carregando

★ Pelas Armas ★ Para o Esporte ★ Por Liberdade

Aquela arma tão sonhada por uma oferta imperdível, ainda que saibamos que é suspeita, a nossa paixão acaba falando mais alto e tentamos nos arriscar até certo ponto, a fim de ver se realmente é um golpe ou se é alguém desesperado para vender uma arma com preço baixo!
A imagem ao lado é real tirada de um grupo que se passa por um grupo nosso, com uma suposta oferta imperdível!!!! Trata-se de um fuzil Mauser DWM uma arma rara que avaliada em pelo menos R$20.000, ofertada com bipé, trilho, luneta, jogo de dies de recarga e ainda 250 munições por apenas R$7.000,00.
Sim infelizmente muitos ainda acabam acreditando e tentando fazer negócio.

Além dos golpes de estelionato onde vendas nunca são concluídas causando enorme prejuizo ao comprador, existem outras modalidades criminosas comuns que ocorrem dentro destes grupos que servem de um espaço controlado de pessoas que serão escolhidas para as tentativas de golpe.

  • Roubo da conta do WhatsApp. …
  • Golpes de phishing do WhatsApp. …
  • Falso aniversário de uma marca. …
  • Falso auxílio econômico. …
  • Golpes aleatórios para obter dados pessoais. …
  • Ferramentas para espionar o WhatsApp. …
  • Atualizações falsas com novos recursos para o WhatsApp.

Alguns sinais que ajudam a identificar golpes na venda de armas

1. Parece bom demais para ser verdade

Tudo bem, coisas boas acontecem. Mas será que uma proposta incrível de uma arma que custa bem mais que a oferta apresentada é verdadeira? 

Armas de fogo são objetos de desejo, muitas pessoas querem ter e não podem pagar e então os oportunistas aparecem oferecendo armas com preços baixo para enganar as pessoas.

Por isso, na dúvida, é importante ligar o “desconfiômetro” e tentar verificar mais sobre aquilo que estão te oferecendo.

Muitos esquemas fraudulentos surgem de propostas que parecem boas, mas que, na verdade, só vão te prejudicar. Armas são caras, nunca desvalorizam e as armas usadas geralmente, no Brasil, são mais caras que as novas devido ao processo mais simples e celere quando transferida de CAC para CAC.

2. Tudo é urgente

Outro artifício usado é o senso de urgência. Aquela arma maravilhosa vendido barato deve ser paga rapidamente ou você perderá a oferta!!!

Pessoas com pressa tendem a agir antes de pensar e podem tomar decisões precipitadas, já que, sem tempo para refletir sobre a situação, o impulso fala mais alto.

Armas não devem ser compradas de estranhos pela internet, ainda mais sem que possa ser verificado tudo:

Documentação, Idoneidade e a própria arma.

Vamos mais além, comprar arma sem ver é loucura! Armas devem ser avaliadas fisicamente dentro de um ambiente seguro, como clubes e lojas. Após verificar a arma, peça à um despachante ou acesse o sistema para validar as informações do CRAF, em seguida contrate um despachante para fazer a documentação e prefira uma plataforma de pagamento segura como mercado pago ou pag seguro que oferecem proteção do pagamento em casos específicos, leia sobre nos sites dos respectivos meios de pagamento.

Vale ter cuidado com o pagamento e checar as informações da conta que receberá aquele valor. 

Por mais que você confie na pessoa e queira negociar, investigue se aquele contato é verdadeiro. Ligue para o número, tente uma chamada de vídeo ou faça perguntas para saber se a pessoa conseguirá te responder corretamente. 

Sempre busque informações da pessoa ou empresa nas redes socias e no google. Quando se tratar de emrpesa, verifique tudo que puder sobre a emrpesa e também se o canal que está tratando é oficial da emrpesa em questão.

3. Ameaça com defesa de caráter

Quando um possível comprado pede alguma finromação ou algo que possa garantir a informação ou procedência o criminosos semrpe se ofende e ataca dizendo que é honesto e tudo mais. Esse é um sinal clássico, quem fala a verdade não se ofende em provar. Claro desde que seja solicitado com educação e respeito. Em seguida eles ameaçam que não querem mais vender e etc..
 

4. Grupos fake

Muitos grupos usam imagem não autorizada de emrpesaas e organizações para enganar as pessoas. exemplo disso os grupos que usam nosso brasão.

Exemplo abaixo:



O grupo acima nunca foi criado por nós e nem autorizamos o uso de nossa marca e nome.

Justamente para proteger os usuários, adotamos a postura de não manter grupos públicos, pois se prevalecendo da reputação da nossa organização, criminosos criam grupos usando nosso nome e praticam ilícitos sem que possamos fazer nada. Dessa forma a Associação CAC Brasil não possui nenhum grupo de WhatsApp público autorizado ou administrado por nós exceto um úncio grupo que é exclusivo aos associados e controlado por nós.

Carrinho de Compras